sábado, 14 de maio de 2016

Tutorial de montagem Fonte com LM723.

Passo a passo da montagem da placa, da fonte com LM723, lista de material e posição dos componentes foram enviados, impressos junto a placa, não está disponível para envio online.

Compras pelo mercado livre da placa em fibra, no link abaixo:
https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-887216646-placa-fibra-p-montar-fonte-ajustavel-0-50v5a-gratis-lm723-_JM

O circuito: Analisem o diagrama antes da montagem. Atualizado em 12/03/2018

Clique na imagem para ampliar.

Notem e assimilem que; uma vez retirando o Q4, transistor PNP (BC237) da base do Q5,  TIP42C, a fonte passa a ter apenas o controle de tensão, e uma vez tendo a tensão de 30V no pino 12, e tensão no coletores do NPN de saída, teremos a fonte funcionado com esse arranjo simples.

Se não conseguiu o ajuste de 0V á 50V, algo anda mau, como; componentes invertidos, trocados e ou transistores falsificados, tensão AC de entrada menor que a especificada, etc. Tenha em mente que a chance de não funcionar de primeira é grande.

Placas com numeração antiga devem ser comparadas a esta. Será utilizado posição e não mais os valores diretamente na placa, o que auxilia, na manutenção e no diagnóstico de erros na montagem.

Certifique-se de que tenha todo o conhecimento necessário a montagem, assim como garantia de que adquiriu componentes corretos e de boa qualidade, não altere nenhum valor e ou faça qualquer ligação externa a placa que aqui não especificada, se seguir a risca a sequencia abaixo terá a fonte funcionando como o especificado no projeto.

Notem que que é indicado um valor de entrada de 36V AC, essa tensão pode ser adquirida em um transformador de 18+18Vac por 10A, ignorando o fio central e utilizando os dois extremos teremos a tensão de 36~37Vac  que depois de retificada dará uma tensão DC de ~50V. Em ultimo caso a fonte pode operar com transformado de 40Vac, mas nesse caso haverá sobre aquecimento no circuito, faça isso por conta e risco.

A placa pronta para a montagem pode ser adquirida na loja www.virtuatec.com.br,  CLIQUE AQUI. Os resistores utilizado aqui, são de precisão, sendo 5 faixas coloridas, nada impede o uso de componentes comuns o resultado será o mesmo.

Figura 1 clique para ampliar
Na figura 1, a rede de compensação de frequência.
Figura 2 clique para ampliar
Figura 2, temos o integrado e os componentes de sua fonte regulada a zener de 30V, este é o máximo de tensão suportada pelo CI, caso essa tensão caia, haverá problemas no ajuste de tensão.

Figura 3, os divisores resistivos do amplificador de erro e ajuste de tensão, resistores de 10k e 100k) de precisão. O capacitor C4 é um mero filtro de saída, valores entre 10uF á 47uF podem ser utilizados, desde que respeitado a tensão acima de 50V.

Figura 3 clique para ampliar

Ao lado esquerdo, o resistor de 18K (posição R3) determina o ângulo de ajuste do potenciômetro do limite de corrente, este valor com potenciômetro de 5K, fica entorno de 10k á 18K. Para ajustar o incio de atuação do controle do circuito de corrente, pode-se colocar um trimpot de 20K no lugar de R3 e ajustar o inicio de P1.

Figura 4 clique para ampliar

Figura 4, drive de corrente dos transistores de saída, para um transistor mais atual e simples, utilizamos o TIP42C, de mesmas características do diagrama original, e malha do zener regulador de 13V, em série com a saída do integrado, totalizando a saída de 50V da fonte, uma vez somado com os 37V do LM723 e o resistor de carga do TIP42C, o resistor de carga de saída de 4k7, mantém o amplificador de erro ativo.
Figura 5 clique para ampliar

Filtro principal de 4700uF por 63V, capacitor de 100nF 63V, ponte retificadora, de 5A (necessitará de refrigeração) e o borne de entrada AC, pode-se utilizar tensões de entrada a partir de 36V AC á máximos 40V, sem alterações no circuito, ficando a tensão máxima de saída de acordo com o transformador a ser utilizado
Lembrando que se utilizado um transformador de tensão inferior o resultado será diferente a este proposto aqui, podendo funcionar parcialmente ou até mesmo não funcionar.     
Figura 6 clique para ampliar

Ao centro, os resistores equalizadores de emissor, evitando que diferenças internas aos transistores, force mais de um do que o outro, recomenda-se o uso de resistores de 0R22 ohms (0,22 ohm / 5W) que está na lista de material.

Circuito de OCP - Over Current Protection

Este circuito tem a função de cortar a tensão da base do transistor em série com a tensão principal, assim levando a saída da fonte a zero volt, sendo assim, não se ajusta, quanto vai sair de corrente na saída, mas sim em que determinado valor de corrente consumida na carga o circuito vai armar e cortar a tensão de saída, um verdadeiro cão de guarda.

Atentem aos valores do resistor R3, que originalmente é de 10K em alguns casos esta na placa como 18K, que formam um rede divisora de tensão da tensão de referencia do circuito do ajuste de limite de corrente, este depende da qualidade dos componentes e da tensão sobre eles.


Para ajustar a atuação do potenciômetro, ligue a fonte, sem carga, com ambos potenciômetros todos virados para a esquerda, pode-se utilizar 10k ou 18K (valor comercial) para R3, ou colocar um trimpot de 20K no lugar de R3, o led de proteção deverá estar apagado, pressione o botão reset para apagá-lo, e ajuste R3 até que o led acenda, com isso saberemos que o inicio do potenciômetro esta ajustado para algo entorno de 150mA ~ 500mA.

Conecte uma carga de  5 ohms por 10W sob refrigeração, proceda com a marcação do painel em volta do knob de corrente, e marque a posição conforme for lendo em um amperímetro em serie os pontos em que o circuito vai desarmando, até obter a s posições desejadas.

Exemplo: coloque o ajuste de tensão em zero, ajuste o controle de corrente até o meio ou mais, conecte a carga de 5 ohms, suba a tensão até 5V, ou próximo disso até ler 1A no amperímetro, vá reduzindo o potenciômetro de corrente até um ponto em que o led acenderá cortando a tensão de saída, nesse ponto será a marcação de 1A, siga esse procedimento até realizar os 5A.

Um valor médio que utilizo, é R3 de 16K5 e P1 de 2K, tenho um inicio de 150m P1, fechado e 5A quase no fim de curso de P1. Usar um potenciometro de 5K o ajuste de corrente será algo entorno de 1k2 do total de 5k do componente, ou seja algo entorno de 1/3 de volta apenas, ficando o restante do giro, sem atuação sob o circuito.

O ajuste de Sobre-corrente (corrente excessiva ou Over-Current) é quando o consumo de corrente é maior que o requisitado pela carga, este ajuste destina-se ao disparo da proteção, que será ativada quando a corrente da carga for maior que a ajustada na proteção, a ação é  indicada pelo corte de tensão na base do transistor regulador em série e o acendimento do led indicador, o circuito continuará cortado até que o botão Reset seja pressionado.
Figura 7 clique para ampliar

Ao finalizar todas as soldas, uma boa limpeza com álcool isopropílico e ou qualquer solvente de média abrasão ajudará verificar curto circuito nas ilhas de circuito impresso e ou respingos de solda presos na borra de solda, colocar a placa contra a luz, ajuda muito.
Figura 8 clique para ampliar
No final teremos uma montagem limpa, com componentes alinhados, faça uma boa inspeção visual antes de ligar a primeira vez a placa ao transformador.

Acima podemos ver diversos exemplos de alinhamento de componentes, conectores, tudo para facilitar e ou deixar a montagem com um aspecto mais profissional e de bom grado aos olhos, afinal é fruto de seu trabalho as horas que passou montado a placa, sem contar que tudo organizado ajuda na hora do reparo e ou alterações no circuito.

Antes de iniciar sua montagem, tenha em mãos todos os componentes, de preferência já dobrados e ou performados, verifique diâmetros de furos, se utilizar componente com terminais cheio de solda, limpe-os antes de inserir na placa, isso evitar estourar a ilha da placa de circuito impresso, tenha ferramentas limpas e afiadas, não aplique força demasiadamente ao cortar os terminais, isso pode danificar as trilhas da placa. atente as instruções e ou dicas do autor, compare sua montagem com fotos disponíveis de outros kits já montados, isso lhe ajudará a entender como montar determinados componentes e ou adereço a placa, para que se tenha um resultado próximo ou até melhor do exemplo comparado, deixo um vídeo alto explicativo do resultado da montagem proposta neste post.


Boa montagem a todos que investirem nesta empreitada.

Outro vídeo com um transformador pego na sucata, tensão de 18+18 formando 36V ac;




Informações sobre alterações de valores dos componentes: leia com atenção!


1- Transformador a ser utilizado com a fonte:
36Vac á máximo 40Vac por 5A (pode-se utilizar um transformador de 18+18Vac por 10A, para formar um de 36Vac de 5A)

2- Resistores equalizadores e ou resistor de emissor.
Pode utilizar valores de 0R10 á 0R47 ohms, sendo de fio e potencia de 5W, lembre-se que a corrente de saída é a soma das correntes drenadas pelo conjunto de transistores de saída, cada transistor pode controlar algo entorno de 3 á 4 amperes com seu respectivo resistor de emissor.

3- Shunt resistivo do circuito de proteção de sobre corrente.
Este resistor para uma corrente de 5A deverá ter uma potencia da ordem de pelo menos 5W, seu valor é uma associação de R10 e R11, dois resistores de 0R22 resultará em 0R11 por 10W suficiente para demandar os 5 amperes.

Ligar os coletores dos transistores diretamente ao +VCC da entrada da fonte, não vai lhe dar mais corrente! vai é dar problema no ajuste de tensão do amplificador de erro do LM723, pois haverá uma diferença de tensão entre as duas extremidades do shunt (o TIP42C recebe a tensão do +VCC através dele) e essa tensão será somada a tensão ajustada inicialmente, causando essa anomalia da tensão subir quando conectado a carga.

4- Potenciômetro de controle de corrente. (quando se aciona o corte da saída)
Este componente era especificado como sendo de 3K ohms, pois a corrente do projeto original era de 3A, ou seja; o valor do shunt antigo, tínhamos uma área de ajuste sobre P1 de 2k4, assim o inicio do ajuste era de 500mA e quase no fim do giro os 3A.

Com o dobro de corrente praticamente essa área de ajuste caiu para 1k2, com isso fazendo o ajuste em R3, e colocando o P1 como 2K, teremos os 5A distribuído do incio a quase ao fim de curso, mas nada impede o uso de um valor comercial de 2K á 5K. O que mudará é o angulo de ajuste.

5- Transistores e Transistores de saída.
São indicados transistores NPN que suportam correntes entorno de 2,5A quando submetidos a uma tensão de mais de 36V, indicados TIP35C, 2SC5200 e outros similares (consultar tabela SOAR do transistor)

Para os demais transistores, são todos PNP e podem ser perfeitamente substituídos por transistores BC556, BC557...BC327 ou até outro que suporte 60V ou mais (recomendo o uso do MPSA92, ver pinagem, devera ser instalado invertido na placa, chanfro para o outro lado).

-----------------------------------------//------------------------------------------
Todas as informações acima, foram retiradas de anotações de próprio punho, medições feitas no dia a dia de utilização da fonte, é reservado o direito de correção e ou edição das informações acima sem aviso, conforme for surgindo novas informações será atualizado a postagem.

79 comentários:

  1. Conclui a montagem e as tensões de saída já estão legais.
    Utilizei um trago de saída 24V e tenho a tensão de saída de 36V. O ideal seria utilizar o de 40V mas eu não tinha na sucata.
    Vou testar com carga alta e informo aos colegas.

    ResponderExcluir
  2. Realizei testes de carga e consegui chegar a 5.36A por 5V.
    Durante a montagem final acabei causando um curto, e agora o resistor de 47ohms já na saída de tensão, está queimando somente quando coloco carga.
    Poderia me ajudar a detestar o componente defeituoso?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O resistor de 47 Ohms é a carga do TIP42, é bem provável que por essa corrente a potencia do resistor esteja muito baixa, aumente para 1W e retorne se ainda está queimando.

      Excluir
  3. Olá Marcio, posso utilizar um transformador com secundário de 40+40VAC, pra fazer uma fonte simétrica de -50v, +50V?
    Vou precisar fazer alguma modificação por causa do transformador com voltagem maior?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Anônimo;

      Se for utilizar um enrolamento de 40V AC dois fios, a saída será de 56V isso o circuito aceita sem maiores problemas, creio que apenas a posição do potenciômetro de corrente que mudará. e a fonte irá iniciar com o led aceso e tensão cortada, mas isso é só girar um pouco o potenciômetro até o led apagar e o reset armar a fonte.

      Para utilizar como fonte simétrica, é recomendado isolar os enrolamentos e fazer dois enrolamentos de 40V ac por 2 fios cada, é só localizar a emenda dos fios esmaltados do trafo e separá-los, lembrando que um trafo com dois enrolamentos em séria a corrente é dividida entre eles, ou seja se o trafo for de 5A separando os enrolamentos, cad aum ficará com 2,5A.

      No mais as saídas das fontes poderão ser combinadas em série e ou paralelo, assim dobrará a corrente e ou uma fonte com 100V de saída ajustável.

      Excluir
  4. bom dia si eu for fazer ela simetrica terei que usar duas placas?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, o AC deverá vir de dois transformadores ou de dois enrolamentos secundários isolados entre si. dessa maneira, pode-se combinar a saída em série e paralelo.

      Excluir
  5. soou fabiano fiz a minha tudo igual funciono bem mas me entrega so 2.5A

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Baixa corrente de saída, e queda de tensão é sinal de que a tensão do transformador é inferior a 30V, tente com um transformador de 30 á 40V, teste com carga resistiva.

      Excluir
    2. ola marcio , meu nome é Darci e gosto de eletronica fasso alguns projetos só para mim , mas gostei muito da sua fonte , e gostaria de saber se posso usa-la em um amplificador de +70-70v. Pois eu li os comentarios e voce diz que deve-se usar dois secundários separados , certo mas o terra na placa vai ser o mesmo, isso pode ?

      Excluir
    3. Olá, Darci, pode sim, aliás para 70V será preciso adequar a tensão dos capacitores na placa, eletrolíticos á 80V e poliéster de 100V, assim como também utilizar transistores de saída que suportem essa tensão, creio que os transistores 2sc5200 suportem de boa.

      Sobre a configuração de duas fontes positivas, sim o negativo da alimentação (transformador) tem que ser separado, porque o novo GND ou 0V será a junção de um +Vcc de uma fonte com o GND da outra.

      Excluir
    4. bom dia marcio , comecamos bem , feliz natal , marcio ,preciso das duas placas para montar a fonte simetrica +70-70 20A ,poi tenho dois amplificadores 600wats rms classe D , ja estou usando os mesmos . posso usalos de 50+50 até 70+70 .pois bem , minha rede cai muito e eles acabam acionando a protesão , quando a rede sobe eles religam , mas isso funciona enquanto a protecão estiver boa , então quero fazer assim:uso os trafos retificados +70-70 , e deixo minha fonte regulada com +60 -60 assim os amplificadores não desligam . tenha um dissipador grande com 30 2sc5200 montados ,pois fiz um amplificador de dois canais e mudei o desenho da placa e ficou roncando pois coloquei os bcs muito distantes , como o ganho dele é muito alto as trilhas da placa virara uma antena e eles captam o ruido da rede . então comprei dois classe d e montei no lugar deles e beleza ,gostaria de ver se voce monta ela para mim pois trafo transistor capacitor eu tenho , gostaria que montasse os componentes da placa diodos da fonte tambem tenho . meu WATSHAP:04146999217451 . falar com eliane ou darci ...

      Excluir
    5. Boa tarde; essa placa não vai dar, suporta apenas 5 Amperes, para 60V por 20A tem que ser um regulador fixo, que é mais simples de se fazer, já que não precisará fazer ajustes a partir de 0 volt. Me manda um e-mail para "marciovirtuatec@gmail.com" que te passo uns arquivos de uma fonte para amplificadores.

      Excluir
  6. Como faz para conseguir mais amperagem com menos tensão?

    ResponderExcluir
  7. Tudo bem Marcio estou com duas duvida, se eu aumentar de 2 para 4 a quantidade de transistor eu tbm consigo o aumento na corrente para uns 10 A é claro com um bom decipador e onde eu encontro esta ponte de diodo , vc teria para fornecer com a placa e qual o custo.
    obrigado

    ResponderExcluir
  8. Olá, no momento somente as placas com o CI, aumentar os transistores, será preciso acrescentar os resistores de 0r22 em seus emissores, assim como modificar o shunt da placa para 0R03 por 15W (no lugar dos dois 0r22, colocar 3x 0r10).

    Lembrando que, deve-se olhar o datasheet do transistor de saída, para verificar quanto ele aguenta em determinada tensão, por exemplo o TIP35C, por volta de 50V, suporta apenas 2,5A por transistor, para 10A será preciso subir um pouco mais, algo entorno de uns 6 unidades.

    Isso teoricamente, não testei esta placa para 10A.

    ResponderExcluir
  9. Boa noite, montei a minha com um transformador Toroidal 40v 8A, funcionando bem porém está disparando a proteção quando chega em 3.2A, alguma, alguma idéia do que está acontecendo? montei como indicado, usei inclusive resistores de precisão(mesmo não sendo necessário). será que está no circuito OCP?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Primeiramente passe o resistor de 18K para 10K, se continuar a desarmar com menos que 5A e estiver usando resistores no shunt de 0R22, reduza para dois de 0R20.

      O ideal é que com todo o potenciômetro aberto (todo giro para a direita) o ajuste seja de 5A cravado, ou ter uma escala no potenciômetro aonde se saiba em qual corrente o circuito esta ajustado.

      Excluir
  10. Bom dia marcio gostei muito do seu projeto, gostaria de adquirir duas placas da fonte com o lm 324 0a50v 5amps,qual o volr total para são Gonçalo rio de janeiro com o manual de instruções e o telefone para contato.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Aurélio, no início do tópico tem o link da página da loja, calculo de frete no carrinho de compras.

      Excluir
  11. Olá gostaria de sabe se posso usar nessa fonte um trago de 47v

    ResponderExcluir
  12. Teoricamente não há limite de tensão de entrada, desde de que se adéque a tensão de trabalho dos componentes.

    Porém consultando a tabela SOA do transistor de saída, será preciso colocar um que suporte a tensão de trabalho e colocar quantos transistores necessários a suportar a corrente final da fonte.

    Por fim será por conta e risco, a maioria dos transistores que são corriqueiros na bancada, acima de 50V não suportam mais que 1A cada um.

    ResponderExcluir
  13. E o lm 723 não queimaria . Os componentes são só os capacitores né que tenho que almenta a tensão ??

    ResponderExcluir
  14. Não, mas terá que trocar, tudo o que não suporte a nova tensão, por componentes que suportem, lembrando de consultar as tabelas de características SOA dos transistores para a faixa de tensão, e associar quantos necessários a obter a corrente de 5 ampere, e não queima los.

    ResponderExcluir
  15. Como poderia tira esse limite de corrente

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Limitação de corrente é o tipo de circuito que interrompe a tensão de saída quando a corrente da carga for maior que a ajustada no controle de limite de corrente.

      Excluir
  16. boa noite amigo poderia me informar se pode colocar um transformador de 30+30 por 6 amperes neste projeto porque eu tenho esse transformador poderia me informar.
    e-mail marcio.grei@oi.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode sim, a partir de 30V já funciona corretamente o circuito de controle. Se o transformador for de 3 fios no secundário, terá que substituir a ponte da placa por dois diodos para fazer a retificação correta, e ligar o center-tap aonde era o negativo da ponte.

      Excluir
  17. Boa Noite, Marcio.. Montei esse circuito depois de alguns anos guardando a placa.

    Usei um trafo de 20V porque queria deixar uma fonte fixa de 12V.

    Eu sei que tem jeitos melhores mais eu tinha essa placa e queria utilizar.

    Mais na saída eu consigo alguns milivolts. Mexendo no potenciômetro consigo alterar quase 0 até uns 127mV.

    Mesmo valor de voltagem na base do 3055.

    Oque será que fiz de errado ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Revise novamente sua montagem conforme passo a passo acima.

      Excluir
    2. لطفا تصویر پشت کیت را بزارید

      Excluir
    3. Figura 7 با عرض پوزش، این پست بخشی از محصول ما در فروشگاه است.

      Excluir
  18. Mi sembra che nel circuito pubblicato sopra manca un collegamento tra i catodi dei diodi D3 e D4 con il collettore del transistor Q1. cari saluti, Antonio

    ResponderExcluir
  19. Desculpe eu disse anteriormente 50V mas a informação é meio confusa nos sites.Aparentemente é de 12 até 15Volts

    ResponderExcluir
  20. Boa noite, sou novato em eletrônica e tenho um transformador com 3 fios de saída 26 - 0 - 26 e não sei como ligar na placa 723...vc enviaria para meu e-mail com fazer? Obrigado!

    ResponderExcluir
  21. Bom dia, não serve, a tensão é muito baixa, veja no diagrama, a alimentação do Lm723 é de 30V, quando você colocar a carga a tensão real será de 26V e ai o LM723 vai ficar com tensão menor que 30V e vai fica oscilar a regulagem. Recomendo no mínimo um transformador de 30V dois fios (ou um de 15-0-15 de 10A, usar as extremidades para formar um de 30V por 5A). Vou colocar algumas imagem do simbolo do transformador na postagem para ajudar a entender como utilizar o transformador.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Márcio ,bom dia
      Coloquei outro trago 15 - 0 - 15
      E o resistor r9 está muito quente e o led pisca e apaga...só que as trilha não estão em curto. e a saída não altera, fica nos 29,8v... O que seria?

      Excluir
    2. Mande uma foto de sua montagem para o e-mail marciovirtuatec@gmail.com para analisar o que pode esta errado.
      R9 é o resistor do Led, de 3k3, mesmo com o led aceso não esquenta (reveja os valores dos resistores) se utilizou o transformador de 15+15 para formar 30V, em +B1 deverá ter 42V retificados, se na saída esta com valor fixo, ou seus transistores de saída estão em curto, ou ligou errado os potenciômetros, siga o diagrama da fonte, a parte vermelha é separada do funcionamento da azul, uma funciona independente da outra.

      Excluir
  22. Boa tarde.
    O que preciso mudar para utilizar um transformador de 24v-0v-24v 5A?
    Obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa tarde, modificar a retificação e encontrar o valor ideal de R3 conforme citei no post acima.

      Excluir
  23. Boa tarde, minha fonte tem 3 fios no secundário, que retificação devo usar e como calculo o valor de R3.

    Fonte:
    Entrada: 110 / 220V
    Saída: 24+0+24Vac
    Até: 5A

    Estou começando na eletrônica.
    Desde já agradeço a atenção.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, no seu caso a melhor opção é conseguir um transformador de 32 á 36V, com dois fios de saída, ai não precisará modificar nada na placa ok.

      Excluir
  24. Boa tarde, comprei o transformador indicado e a fonte está ok. Posso ligar dois potenciômetro para ajuste grosso e fino de tensão? se sim, quais vc me indica? Obrigado.

    ResponderExcluir
  25. Boa noite, pode sim, tem que ser do menor valor possível em série com uma das extremidades do de 5K, a ligação é como resistores, acho que no blog tem exemplo de como ligar, faz uma busca "como ligar potenciometros em serie".

    ResponderExcluir
  26. Há alguns anos, construí este circuito, mas com 3 amplificadores em escala real, mas funciona de forma diferente. se eu não pressionar o botão reset, ele não me permitirá ajustar a tensão, então devo primeiro pressionar o botão de reset para ajustar a tensão e quando eu colocar uma lâmpada, por exemplo, pressione o botão de reset novamente. Eu não entendo o erro que eu poderia fazer. Outro problema é que as baixas tensões são difíceis de ajustar com o potenciômetro porque são muito instáveis. Você pode me ajudar a entender o que posso fazer.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, tudo bem, espero que sim; o regulador da tensão é o LM723 e o ajuste dele mesmo com potenciômetro simples, é de fácil ajuste.
      Me mostre o que você utilizou que verifico se há uma possivel solução ok.

      Excluir
  27. Olá Marcio Ortolan o esquema e o mesmo, mas com 30V-3A
    Link: https://www.eleccircuit.com/0-30v0-2a-adjustable-voltage-and-current-regulator/
    Eu verifiquei o circuito e é o mesmo que apenas uma conexão com o cátodo de diodo zener 30v e pin 12 do LM723

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa tarde, Sandokani; observe que no circuito que utilizo, o resistor da fonte zener de 30V é de 2k35 1/2w formado por 2 de 4k7 sob 50V, e o principal é o transformador tem que ter uma tensão de 36Vac, abaixo disso fica comprometido o funcionamento do LM723.
      Lembre-se da tensão RMS do transformador, o autor do circuito que descreveu levou em conta a tensão de pico retificada, o outro utilizou a tensão RMS do transformador que é de 36V, assim quando for requisitado a máxima potencia do transformador, a tensão cairá para 36Vdc e não vai comprometer a fonte de 30V do LM723, a oscilação da tensão de entrada é que faz com que o ajuste fique comprometido, e a correção não acompanhará essa variação quando caiar abaixo de 30V a alimentação do CI.

      Excluir
    2. No seu circuito, se esta usando um transformador de 24Vac, a máxima de saída quando puxado toda corrente disponível será de Uout= Uin-UD1-UQ1
      Uout= 24-0,7-0,7
      Uout= 22,6Vdc
      Por regra usa-se pelo menos 2,5V a mais do que a máxima tensão de saída.

      Excluir
  28. Ciao Marcio Ortolan,
    então seu conselho é colocar um transformador de 36v
    Eu também gostaria de uma tensão de 22v, mas eu acho que o circuito não pode funcionar, eu entendi certo?
    muito obrigado pela sua ajuda.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É obrigatório ter 30V na alimentação do LM723, o exemplo do calculo acima, é o máximo que terá quando utilizado um trafo de 24V, olhe as novas fontes da loja com controle de corrente e tensão, saída de 30Vdc, utiliza um transformador de 32VAC. trabalham com a potencia real do transformador e não com a tensão retificada, por isso tenho uma qualidade superior nos ajustes.

      Excluir
  29. Bom dia,

    Sensacional esse projeto, MUITO bem explicado, parabéns!!
    Seria possível,com algumas alterações nos componentes, ela chegar até 72V?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O já esta no limite, em 72V cada transistor de saída suportara apenas 300mA.

      Excluir
  30. Boa tarde a todos. Eu consegui regular a fonte na primeira montagem. Até que liguei um pequeno motor 12v para testar a fonte. Agora não consigo regular de jeito nenhum. Inclusive montei uma segunda placa, pois havia comprado duas e o problema continua. A fonte liga com a regulagem de tensão no máximo e não altera por nada, ela ignora o potenciômetro de tensão. No meu caso fica com 54Vcc. Se alguém puder me ajudar fico extremamente agradecido. Obrigado e boas festas a todos.

    ResponderExcluir
  31. Seus transistores são falsificados e agora estão no curto, não suportam essa tensão, nem corrente acima de 1,5A.

    ResponderExcluir
  32. Vou tentar providenciar novos Transistores Muito obrigado pela atenção!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nos vídeos comentei algo sobre os transistores de saída falsificado, para teste de corrente use una resistência de fio de 5 ohms, faça como no vídeo, 5V por 5R igual a 1A, 10V /5=2, 15/5=3 ....

      Excluir
  33. Olá Marcio
    Meu nome é Plinio, Adquiri a placa da fonte no mercado livre, ainda não chegou, mas gostaria de saber:
    1- adicionar um led que indique que esta ligada, qual seria o valor do resistor em serie, e ende liga-lo
    2- onde é o melhor ponto para alimentar um multimetro amperimetro digital
    3- pelo video vi que não precisa de ventilação forçada, estou certo?
    Agradecido

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Plínio:
      1- 50V, um led verde, um resistor de 5k6 1/2W.
      2- Fonte secundária de 12V por 1A, para cooler e modulo V/A.
      3- Sim requer um bom dissipador e cooler ligado direto.

      Excluir
  34. Bom dia

    O trafo maximo e de 40v
    Tenho um trafo de 65v
    Qual mudancas tenho q fazer para conseguir ultilizar ele nessa placa

    Agradecido

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, terá que recalcular os resistores da alimentação do LM723, recalcular o valor do circuito de proteção, mas o problema são os transistores de saída, veja: 65Vac vai dar 91Vdc com esse valor é encontrar transistores que tenham a mesma corrente suportada quando na tensão de 50V, quanto maior a tensão aplicada aos transistores menor será a corrente de trabalho. exemplo o TIP35C em 91V suporta apenas 160mA e fica muito próximo da tensão máxima que é de 100V, qualquer curto e ou avalanche de tensão, queima na hora.
      Recomendo utilizar um transformador de 36Vac que é o original do autor do projeto.

      Excluir
  35. Boa noite
    Seria possivel almentar a amperagem dessa fonte?

    ResponderExcluir
  36. Aumentar o banco de transistores e recalcular o circuito de corrente.

    ResponderExcluir
  37. Teria uma fonte nesse esquema que faz de tensao negativa tambem? Fonte simetrica.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fica complicado inverter todos os componentes, pois nem sempre o par do componente utilizado no + tem as mesmas características, a solução é utilizar duas unidades completas e isoladas entre si na entrada e comutar as saídas, fazendo a simetria.

      Excluir
  38. Marcio boa noite. Comprei o trafo errado 24+24 saberia me dizer quais componentes teria que ser trocados para essa tensão alem do capacitor?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nenhum, se a intensão é fazer 48V fica muito acima e fora do que suporta todos os transistores da placa, se 24V fica abaixo da alimentação do LM723. Esse transformador fica muito fora do que se pode modificar.

      Excluir
  39. Prezado Márcio, pretendo montar uma fonte simétrica de +70/-70 por 10A em cada saída. Utilizando duas placas, eu conseguiria fazer as adaptações necessárias para montá-la? Muito obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Veja dois pontos extremante limitantes, 70V e 10A são extremos e ficam praticamente aos limites de muitos componentes comerciais, ou seja simétricos são 1400W, mesmo que possível estaríamos falando em quase 30 transistores de saída e em um simples curto poderia ir tudo pro espaço. Se a idéia é uma fonte simétrica para amplificadores, a melhor solução são transformadores com vária derivações e a retificação fixa.

      Excluir
  40. Olá Marcio,
    Me interessei nessa fonte para meu projeto de testes de amplificadores do meu canal do Youtube:
    https://www.youtube.com/renatobrant
    Porém, não encontrei o anuncio no ML.
    Aqui você encontra mais informação sobre o projeto:
    https://sites.google.com/view/rbeletronica/teste-de-amplificadores

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Renato; Já vi sim sua iniciativa sobre testes, o Luis Coelho perguntou algo sobre isso também, as fontes de bancada não te os requisitos que os amplificadores pedem, e controlar tensões acima de 35V e 5A fica muito fora da curva de operação segura dos transistores utilizados, o mai simples no caso de amplificadores seria um transformador com várias derivações e um seletor manual antes da placa de retificação e filtro, mas sabe como ele é né, então há dois recursos para amenizar esses limites, controlar a tensão de entrada um pouco acima da utilizada na saída, o que não obriga o componente a torrar a diferença da tensão em calor, e a outra é empilhar transistores para somar a corrente de trabalho igualmente ao empilhamento da saída de amplificador, bom ai é só fazendo os ensaios e ajustando a fonte ao que se necessita na bancada de testes. Retirei as placas por hora devido a problemas com componentes falsificados, por mais desenhado que esteja o projeto da fonte, não tenho como ser responsável pela qualidade do que o pessoal compra, o que resulta em muita amolação, até que resolva esse impasse não farei mais placas. Qualquer coisa use o e-mail da loja, marciovirtuatec@gmail.com

      Excluir
  41. Olá Marcio, Boa noite, ano passado eu adquiri a placa da fonte e seguindo as instruções consegui montar e funcionou perfeitamente, para uma nova aplicação onde só necessito do controle de tensão, resolvi montar o esquema apenas na parte azul, removendo a parte vermelha, e seguindo as mesmas peças da placa completa, mas só consigo obter 0.3v - 0v, já revisei tudo, schema, peças, tudo, e não consigo entender o que pode está errado, uma coisa que notei foi que a tensão no zener de 13v é 1.5v e no de 30v é 31v que é a tensão do pino 12, e a tensão no pino 11 é 40v, a tensão da fonte depois de retificada de 51v e tenho essa mesma tensão nos coletores do 2SC5200 que adicionei mais 1 ficando com 3 transistores que são originais, mas na base tenho 0.37v. O senhor teria alguma ideia do que poderia ser? Marcio, muito obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marcio, mais uma vez muito obrigado pela atenção, eu estava seguindo a ideia da propria página "Notem e assimilem que; uma vez retirando o Q4, transistor PNP (BC237) da base do Q5, TIP42C, a fonte passa a ter apenas o controle de tensão, e uma vez tendo a tensão de 30V no pino 12, e tensão no coletores do NPN de saída, teremos a fonte funcionado com esse arranjo simples.", então não é possivel fazer isso? apenas o controle de tensão?

      Excluir
    2. A separação é apenas didática, Q4 polariza o zener e a base do drive.

      Excluir
    3. Márcio, funcionou a fonte, foi o tip42 que tava ruim, substitui e funcionou só a parte azul do esquema. Só pra informar não é em cima da placa da virtualtec não, eu confeccionei uma "compacta" apenas com a parte em azul.

      Excluir