quinta-feira, 23 de março de 2017

Tutorial de montagem Soft Start

Uma releitura da placa de soft start, publicado na revista elektor com o código 974078-11, foi atualizado o tipo de componente a ser utilizado, para os convencionais de nosso mercado, principalmente o relé utilizado. A placa pode ser adquirida em nossa loja, Clicando Aqui.


 O circuito elétrico continua o mesmo, respeitando a corrente de trabalho, a esquerda podemos ver os resistores que compõe a fonte por reatância e o limitador de corrente da tensão que encherá o capacitor da fonte fazendo com que o rele feche seus contatos NA que tem os resistores de 5W em paralelo a esses resistores.
 Os resistores de 5W, são de 10 Ohms, utilizei os de 47 ohms, apenas porque o circuito em que vou utilizar não necessita de tanta corrente para carregar os capacitores primários. Siga como no diagrama do projeto se for montar como no original. A direita o rele tradicional de 12V por 15A, o capacitor de filtro a qual leva algum tempo para carregar e armar o rele, pode ser de 470uF á 1500uF por 50V ele de certa forma determina o tempo que o rele permanecerá aberto, com o resistores de 5W em série com o aparelho a se alimentado.

 O espaço do fusível acomoda diversos modelos, desde os de cerâmica ao que são apenas suportes de latão, fica a gosto de quem for montar, a furação da placa aceita, terminais na posição vertical ou horizontal.

 O capacitor de reatância, pode ser utilizado diversos tamanhos, esta capacitor de poliéster metalizado é que determina o quanto de corrente teremos para alimentar o rele, valores menores próximos a 100nF por 250V o rele demorará mais para armar, e os 330nF por 250V, o rele leva menos de 1 segundo para atracar conforme descrito no artigo.


Nenhum comentário:

Postar um comentário